quinta-feira, maio 03, 2007

Aniversário

Há alguns momentos em que a vontade é de se esconder. Aconteceu hoje. Chegaram umas pessoas e eu logo senti o desejo. Lá em casa tinha um quartinho escuro. As pessoas chamavam de quartinho escuro porque era mesmo escuro. O escuro fazendo parte do lugar. E foi exatamente isso o que eu senti. Uma vontade de me deitar no quartinho escuro e ficar lá assim, escondidinho. Então, veio outra imaginação. O que eu queria mesmo é o passado: ter entrado naquele quartinho escuro quando ele ainda existia e só podia ser mesmo escuro. Ter entrado lá e ficado para sempre. Ou, pelo menos, até hoje.

Assim, talvez, aquelas pessoas nem precisassem chegar pra eu sentir isto estranho aqui.

4 comentários:

Anônimo disse...

Que deprê é essa Eddie?

Gata de Botas disse...

A gente veio quente
pra ver fotos de toda a gente
mas é isso aí
vc é o que se sente
mas tenha como presente
que vc ainda é semente....
A jornada é longa
e a caminhada está só começando!
Te adoro!!

Gata de Botas disse...

Parabéns pelo dia das mães..seu ouro de mina..de todos nós né? Bjos!

Anônimo disse...

achei muito legal esse texto do aniversario.o quartinho hoje noa existe mais?