quinta-feira, novembro 08, 2007

Ode à alegria

Corre, pula, ri, adora, chora, faz e acontece,
Porque a vida é mesmo esta canção que sobe e desce.
Anda, pega já suas coisas, sai lá pra fora e vai viver.
Faz de conta que o que interessa é só o amor.
Chama que sofre, beija, briga, bate, afaga e faz calor.
Olha só, repare bem, tudo é mesmo um vai e vem.
E, se não der pra entender agora, diga: -Tudo bem.
Quem sabe um dia você sai lá fora e o sol também?
Aí, pegue logo um raio dele e jogue pro bem que te convém.
Se a coisa então acontecer, você sabe: -É só magia.
Porque nessa vida o que importa é mesmo a alegria.

8 comentários:

Thaís disse...

Perfeito e genial!

Tenório disse...

Alegria besta.
Daquela de fundo de quintal e manga com fiapinhos nos dentes.
Alegria boba que não tem relógio.
Alegria inútil,
Que ri sem motivo com um bando de amigos do lado a te tirar o sarro!

Gosto do que faz pra juntar as palavras.
BACANUDO!

Meu outro lado da moeda:
http://zuleika24.blogspot.com/
beijão.

Renatinha Renault disse...

Será que um dia terei o prazer da sua ilustre presença, caríssimo e eterno professor?

bjo

Simone Catarina disse...

oi sou eu simone, me conhece amore.. um beso

Maggie Mae disse...

concordo em gênero, número e grau. Vou aprendendo isso pouco a pouco, mas é sempre bom se lembrar pra não perder essas coisas de vista.
:-))

Maria Elisa disse...

Leveza. Daquelas que marcam profundamente.
Saudade de você querido.
Beijo grande, Maria

Maria Elisa disse...

Maria Elisa aluna sua (ex)...rs
Lembrou? Vixe, nem tem tanto tempo...
Não tenho blogs pra fazer rimas...aí fica dificil mesmo. haha

Beijo beijo

Lelena Lucas disse...

Que bom, uma ode à alegria. Seu blog é interessante e surpreendente, vou voltar mais. Afinal,"a vida é mesmo esta canção que sobe e desce".